Salada: Uma Escolha Saudável para os Dias mais Quentes!

Uma salada é sempre uma excelente opção: como refeição, acompanhamento ou até sobremesa, quando é feita de frutas. Constitui quase sempre uma combinação saudável e colorida e sabe particularmente bem na primavera e no verão, nos dias mais quentes.

Existem milhares de ingredientes que pode usar para criar a sua salada e nem sequer é obrigatório ser um prato frio. As quentes abrem ainda mais o leque de possibilidades e são também variedades deliciosas. As frias têm a vantagem adicional de poderem ser comidas em qualquer lugar.

Em casa, num restaurante ou até na praia, uma boa salada é uma forma simples e saborosa de introduzir mais vitaminas e sais minerais na sua dieta.

 

Um prato milenar

A origem da palavra salada vem de sal, importante e primeiro condimento deste tipo de refeição. Com efeito, as primeiras saladas eram compostas apenas por verduras silvestres e ervas, temperadas simplesmente com sal. O prato era servido como tónico após o período de inverno, em que a dieta era mais pesada e substancial.

Os seus poderes restauradores e benéficos para a saúde são celebrados há milénios. Existe até um provérbio grego que diz “Τρώτε νεράιδα και κερδίστε νοημοσύνη!”, o que significa “Coma agrião e ganhe inteligência!”.

Sabia que este prato teve a sua origem no ano de 600 a. C. e foi criado pelos Persas? De facto, as saladas fazem parte da gastronomia mundial desde a antiguidade. Ao longo dos tempos, as receitas foram evoluindo, incorporando outros ingredientes e condimentos. O resultado, nos dias de hoje, é uma lista quase infindável de opções, que se adaptam ao gosto do consumidor.

Mais rica e elaborada ou mais simples e leve, a salada é, atualmente, sinónimo de comida saudável.

 

O limite é a imaginação

Hoje, são inúmeras as variações possíveis para este prato. Pode ser simplesmente composto por folhas verdes, vegetais diversos (cozidos, salteados ou grelhados) ou até massas (previamente cozidas). Existem ainda as soluções mistas, que combinam todos estes ingredientes, adicionando carne, peixe ou marisco. Saladas de atum, frango ou camarão fazem, sem dúvida, as delícias de todos para refeições leves.

Podendo consumir-se como entrada, acompanhamento ou prato principal, em algumas culturas, a salada é servida no final da refeição. Na sua confeção, pode utilizar amplas variedades de vegetais folhosos, como por exemplo alface, agrião, chicória, espinafre, rúcula e ervas frescas. Também os legumes, previamente cozidos ou grelhados, podem ser parte integrante.

Use tomate, cebola, pepino, beterraba e tudo o que mais gostar! Além disso, há quem não dispense juntar azeitonas, frutos secos ou croutons, para dar crocância à experiência. No final, basta adicionar o tempero à sua escolha e envolver todos os ingredientes. Assim se consegue um prato leve e simples de preparar, que o corpo agradece e a saúde também.

 

A famosa salada César

Certamente já ouviu falar da salada Caesar (ou César). Terá sido inventada no México, por um chef italiano, há quase 100 anos. Hoje, continua a marcar presença nos mais afamados restaurantes de todo o mundo.

Tendo como base simples folhas de alface romana, é o molho que a enriquece. Feito com anchovas, azeite, sumo de limão, ovo e queijo parmesão, dá à alface um sabor único. O toque final é a adição dos croutons, pequenos pedaços crocantes de pão.

 

Na Costa Verde, oferecemos-lhe diversas opções para o momento de servir, com o destaque merecido. Desde pratos próprios para salada e taças diversas ou travessas, temos a opção certa para si!

As nossas coleções oferecem peças únicas para um empratamento de primeira qualidade. Encha a sua mesa de opções saudáveis e dê, dessa forma, um toque de requinte com porcelana Costa Verde. Descubra, por exemplo, a nossa linha Universal, com a qual a sua salada terá uma apresentação digna do melhor chef!

 


 

Subscreva o nosso blog!