Alimentação Saudável: A Revolução Verde dos Nossos Tempos!

Alimentação saudável é um tema sobre o qual, na Costa Verde, gostamos de nos debruçar. Já aqui abordamos algumas das novas tendências para 2019. Hoje, vamos falar-lhe de opções saudáveis que não pode deixar de conhecer. Porque a alimentação mundial está cada vez mais “verde”!

 

O flagelo da fruta feia

Sabia que a fruta e os vegetais sofrem um exigente processo de seleção antes de chegarem às lojas? Todas as peças que não respeitem determinadas normas estéticas são rejeitadas ainda antes de serem postas à venda.

Durante este processo, é feita uma avaliação prévia do calibre, da cor e de outras características dos alimentos. Uma vez que só alguns passam no teste, o resultado é um desperdício alimentar extremamente preocupante à escala mundial.

Nos países desenvolvidos, as pessoas estão cada vez mais focadas em fazer uma alimentação saudável. Assim, esta situação incompreensível está a mudar. E se lhe dissermos que as frutas e vegetais de aparência menos atrativa vão passar a ser os mais apreciados?

São já vários os movimentos que visam acabar com o desperdício, através de diversas soluções. Por exemplo, a utilização de legumes para preparar as chamadas “bebidas verdes” é uma das alternativas mais populares.

Sumos e batidos, ricos em nutrientes, são o destino de produtos que anteriormente eram descartados pela sua aparência. O uso na confeção de papas, sopas e compotas é igualmente uma excelente opção.

A fruta e os legumes são a base de uma alimentação saudável, por conterem fibras, vitaminas e sais minerais. É importante referir que o seu aspeto não interfere minimamente na quantidade ou qualidade dos nutrientes que nos oferecem.

Todos devemos contribuir para o fim do desperdício alimentar, consumindo vegetais e frutas menos atrativos visualmente. A nossa saúde vai agradecer e o planeta também!

 

É possível trocar o sal e o açúcar por plantas?

 É sabido que o sal e o açúcar em excesso são prejudiciais à saúde. Em Portugal, por exemplo, o consumo de sal é muito superior ao recomendado. Com efeito, apesar dos esforços para reduzir a concentração em certos produtos (como o pão), ainda o ingerimos em excesso.

Existem boas alternativas para minimizar a adição de sal em algumas receitas e conseguir uma alimentação saudável. O uso de especiarias é uma das formas de intensificar o sabor e adicionar menos sal ou açúcar aos alimentos.

Surgem agora novas opções vegetais com o mesmo efeito. A salicórnia, também conhecida por “sal verde”, é uma planta de sabor naturalmente salgado. Não faz mal à saúde e é, por isso, uma das alternativas ao sal mais procuradas por quem busca uma alimentação saudável.

Para substituir o açúcar, surgem também cada vez mais opções saudáveis. A stevia é uma delas. Trata-se de uma planta que possui propriedades adoçantes superiores às do açúcar. É, por essa razão, uma das soluções mais procuradas na atualidade.

Em suma, também o modo de temperar os alimentos pode tornar-se mais “verde”, contribuindo para uma alimentação saudável.

 

Bebidas: Com ou sem álcool?

 As alterações nos hábitos de consumo conduzem naturalmente a adaptações no outro extremo da cadeia: a produção. Vejamos o caso do açúcar, por exemplo. A diminuição do seu consumo é coincidente com o aumento da popularidade do rum, um pouco por todo o mundo.

Esta bebida, com elevado teor de álcool e originária das Caraíbas, é obtida a partir da cana-de-açúcar. Está a chegar ao mercado com bastante força, com uma popularidade crescente entre os millennials. O aumento no consumo é de tal ordem que começaram a surgir fabricantes na Europa.

Mas há também outro segmento a ganhar popularidade. Falamos das bebidas sem álcool ou com baixo teor desta substância.

É bem sabido que o álcool não se enquadra de todo no âmbito de uma alimentação saudável. Dessa forma, a procura de alternativas está a levar os grandes produtores de cerveja, por exemplo, a oferecer alternativas light.

Algumas das principais marcas cervejeiras do mundo estão a apresentar ao mercado produtos mais leves, com menos álcool. Desse modo, estas opções são atualmente mais fáceis de encontrar e incomparavelmente mais saudáveis.

 

Na Costa Verde, gostamos de desafios!

A procura de melhores opções, com vista a uma alimentação saudável, exerce pressão sobre os produtores. Assim, o interesse dos consumidores em alternativas mais benéficas para a saúde tem vindo a alterar notoriamente o mercado. Com efeito, produtores e transformadores enfrentam desafios na criação de novas soluções, mais alinhadas com a procura.

Este esforço é também pedido à Costa Verde, no momento da apresentação de novas linhas e conceitos. Porque gostamos de desafios, desenvolvemos produtos a pensar em si e nas suas necessidades futuras!

No nosso blog, temos sempre a preocupação de lhe facultar informações úteis, sobre temas diversificados e atuais. Por isso, a temática da alimentação saudável é um dos nossos focos e interesses principais. Continuaremos a partilhar consigo as mais recentes novidades sobre gastronomia e alimentação.

Na Costa Verde, celebramos a porcelana, como veículo transmissor da riqueza gastronómica e da alimentar global

 


 

Subscreva o nosso blog!