Etiqueta: 10 Regras para ter boas maneiras à mesa!

Etiqueta à mesa pode ser definida como o comportamento que os indivíduos adotam em situações sociais, com vista a mostrar pertencer a um determinado grupo. Na maioria dos casos, são esses mesmos grupos que predominam na sociedade, quer seja social, política ou culturalmente.

Regras e boas maneiras é um excelente mote para discussão, numa altura em que a forma de estar à mesa se encontra em mudança. Também o que se come, como é exemplo o fast-food, promove alterações comportamentais.

Historicamente, a etiqueta foi definida como o conjunto de regras cerimoniais indicativas dos usos e ordem de precedência a adotar pelas cortes em eventos. Estas cerimónias poderiam ser públicas ou privadas, desde que nelas estivessem presentes chefes de Estado ou altas autoridades ou que constituíssem atos solenes ou datas oficiais.

Há, porém, um pequeno “pormaior” que não deve ser esquecido. A etiqueta depende de país para país e de cultura para cultura, no respeito expresso pelas idiossincrasias de cada povo.

Neste artigo, vamos aflorar regras simples de etiqueta à mesa, que lhe permitam ter uma presença elegante e respeitosa quando vivência com os outros, de uma forma global.

 

10 Regras de etiqueta a adotar à mesa:

 

  1. Mastigar de boca fechada.
  2. Colocar o guardanapo de tecido no colo e procurar ter sempre os lábios secos e limpos.
  3. Manter os cotovelos junto ao corpo e evitar colocá-los sobre a mesa. Este gesto é indicativo de desleixo, além de limitar o espaço daqueles que se encontram ao seu lado.
  4. Dar garfadas pequenas para não necessitar de uma pausa muito grande para mastigar e engolir os alimentos até poder conversar.
  5. Manter a postura ao longo de toda a refeição. Não ceder ao cansaço e endireitar-se discretamente quando sentir que está demasiado curvado.
  6. Realizar todo o manuseamento da cutelaria com os dedos e nunca com a palma das mãos.
  7. Descansar e fazer refeições pausadas. Libertar-se dos talheres, colocando-os em posição de descanso enquanto mastiga, usa o guardanapo ou conversa.
  8. Encarar a faca como um elemento de corte e não de arrasto. Assim, deve ser utilizada para cortar os alimentos à medida que os for ingerindo.
  9. Utilizar o garfo na mão esquerda e a faca na mão direita. Caso o alimento a ingerir dispensar o uso de faca, o garfo pode ser utilizado na mão direita.
  10. Jamais tocar com os talheres na mesa após iniciada a refeição. No seu terminus, expor os talheres um ao lado do outro com os cabos voltados para si e posicionados ligeiramente para a direita.

 


 

Subscreva o nosso blog!