logo

sustentabilidade

A gestão energética é hoje uma atividade que merece especial atenção.

O conhecimento rigoroso da forma como a energia é consumida e os respetivos custos, trabalhados numa ferramenta fundamental para otimização da rentabilidade energética, traz uma diminuição da despesa energética e, consequentemente, um aumento de competitividade e sustentabilidade.
A implementação de um sistema de gestão de energia traduzida na recente norma ISO 50001 lançada pela International Organisation for Standardisation (ISO),
providenciará um novo referencial de normalização na eficiência energética.
A integração da ISO 50001 objetivada para fim de 2014 com as normas ISO 9001, 14001, OHSAS 18001 e também SA 8000 poderá tornar esta incorporação mais simples no processo de adoção duma cultura de racionalização de energia pela organização.